Espelho, espelho meu, existe alguém mais popular do que EU?

273
Ilustração: Paula Tooths
- Anúncio -
Rita Gomes Todeschini
Rita Gomes Todeschini – Empresária, Analista Politica e colaboradora do site Na Pauta Online.

Relutei muito para escrever esse artigo, mas como não corro de uma boa briga, não teve jeito. (risos)

O “fenômeno” Bolsonaro é um imbróglio fabricado pelas redes sociais no Brasil que, cruzada contra a esquerda, acabou abocanhando eleitores insatisfeitos com os partidos de “oposição”, juntamente com os pseudos eleitores da extrema direita brasileira, aqueles mesmos que se apoiam num patriotismo egoísta, que pensam cada dia mais no seu umbigo do que no coletivo.

Já li, publicado por uma conhecida, que ela, por ser branca, se acha injustiçada por não ter as mesmas oportunidades dos cotistas negros, e, pasmem, conclui: “por seus parentes terem vindo da Europa para tentar a vida no Brasil e terem trabalhado tanto ou igual aos escravos, ela deveria ter algum privilégio!” – hum?

Já li e ouvi de amigos gays que Bolsonaro os representa, por querer um pais sem hegemonia de esquerda – hum? – Se dizem gays de direita e lutam contra o que dizem ser mimimis feministas – não nego, algumas feministas exageram e dão no saco, mas nem por isso deixo de respeitar seus “mimimis”. Um deles em entrevista a BBC diz que Bolsonaro precisa ser lapidado, assim como aconteceu com Lula nas quatros eleições as quais concorreu.

Foi esta frase que deu o clique para escrever a matéria de hoje, e a verdade é só uma: Bolsonaro quer ser o Lula, no quesito carismático e “endeusado”.

Na verdade o que Bolsonaro quer é ser um político mais carismático do que o Lula. Ele luta para isso e sua história de certa forma é muito parecida com a do ex-presidente.

Os eleitores do Bolsonaro criticam Lula por ter se aposentado cedo devido a perda do dedo, que, segundo reza a lenda urbana, teria sido feita de propósito, mas esquecem que Bolsonaro foi para a reserva como capitão, uma patente média, com 11 anos de serviços prestados ao exército que ele tanto defende e em seguida entrou para política.

Eles dizem que os filhos do Lula enriqueceram enquanto o pai exercia o mandato de presidente.Mas esquecem que os filhos do Bolsonaro, quatro no total e mais um irmão viraram políticos e também enriqueceram graças ao mandato do pai.

Neste momento, com certeza você vira a contradição, dizendo que estou errada e que eles trabalham muito como políticos.

Eis a minha replica: em quantos anos de mandato a família Bolsonaro apresentou um projeto de relevância para o Brasil ou para a população?Então meu querido, para mim, os filhos dele não são tão diferentes assim dos filhos do Lula.

Reclamam que Lula só defende as pautas da esquerda e comunista, mas nem sabem o que é esquerda e comunista.

E Bolsonaro? Defende quais pautas? Liberação do porte de arma, agradando com isso a indústria bélica?

Que bandido bom é bandido morto! Lema esse que incentiva qualquer um matar alguém por supor que ele seja bandido, abrindo assim as portas para uma carnificina?

Acredito que as leis para o crime, seja ele qual for são brandas, que não se investe em presídios…mas quem deve mudar a legislação é o legislativo como o próprio nome diz. O qual não tem interesse algum, por muitos deles estarem lá a defesa do crime, seja ele institucionalizado ou não.

Os últimos mandatos priorizaram uma classe com renda mais baixa, à revelia dos anseios das outas classes.

Não há como negar os avanços sociais nos mandatos dos ex-presidente foram enormes, se analisados aos mandatos anteriores, porém ficou aquém do esperado, devido as alianças que são necessárias para se governar.

As outras classes, a qual me incluo em uma delas, pode muito bem conseguir muita coisa sem a ajuda do governo. Com certeza o que incomoda é que a senzala começou a frequentar a casa grande.

Falam que não existiu governo mais corrupto do que o do PT, mas não se informam sobre vários escândalos de corrupção dos presidentes anteriores que, por meio de acordo na calada da noite, não deram em nada, incluindo o do Presi Michel Temer.

Se focassem menos nas fakesnews, a qual tenho certeza que fazem de propósito para continuar a estimular a ignorância política, veriam que de todos os partidos que receberam grana da Petrobras, o PT foi o que menos recebeu.
E o mais importante, o sitio em Atibaia e o tríplex no Guarujá, valém infinitamente menos que as “malas” recheadas com mais de R$50 milhões encontradas num certo apartamento em Salvador.

Dizem por aí que quem defende a esquerda, comunismo e afins são burros.Defendem alguém sem ética ou caráter, mas não enxergam que o mito o qual defendem é tão ou mais indefensável do que seu adversário. São mais xiitas, cegos e ignorantes do que os defensores da esquerda. E defende sem argumentação.

Nenhum político vale o fim de uma amizade, uma briga em família, ou qualquer quebra de vinculo com alguém que gostamos ou admiramos.
E votar no Bolsonaro não o torna mais inteligente do que quem vota no Lula, e, ou, PT. Muito pelo contrário.

Se vocês acham que o Mito não terá que vender a alma para o congresso, assim como Dilma, Lula e seus antecessores também o fizeram, para poder ter algum projeto aprovado, esqueçam. Ele não só venderá, como essa será sua única opção de governar. Pois nenhum partido consegue eleger maioria absoluta no congresso.

E por fim: Bolsonaro tem uma dorzinha de cotovelo da popularidade do Lula, e por isso lutas com todas as armas possíveis e impossíveis para supera-lo.

Acho melhor parar por aqui, porque senão ao invés de escrever uma coluna estarei escrevendo uma bíblia.

Ah!!! Nunca se esqueçam: O pavão de hoje, será o espanador de amanhã.

Ate semana que vem.
Twitter: @ricazinha

- Anúncio -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here