Meu bem, meus bens

158
- Anúncio -
Rita Gomes Todeschini
Rita Gomes Todeschini – Empresária, Analista Politica e colaboradora do site Na Pauta Online.

Em 2003 e durante todo mandato do presidente Lula, houve um casamento geral de interesses. Um governo mais social havia chegado ao poder e, com ele, umas malas que de ideologia social só tinham a própria conta corrente.

Com o passar do tempo, o governo Lula angariou mais aliados, tipo o PTB, e ficaram de fora só MDB, antigo PMDB que ficou fora do governo por pouco tempo, e PFL, que virou DEM.

Com o casamento em lua de meu, tudo era meu bem!!!

Logo em 2006, houveram separações, umas temporárias outras definitivas. Mas em contrapartida a noiva preferida de qualquer sultão aceitou o pedido e deu uma balançada no casamento.

Como em todo relacionamento, existem os períodos de desgaste, não foi diferente nesses 13 anos de governo do PT.

Nisso começou a sessão de divórcio, todas as noivas se rebelando contra o sultão, até a situação ficar insustentável e partirem para o divórcio litigioso o impeachmentda Presidente Dilma.

Mesmo assim, ainda persistia o nome pomposo do sultão e todo um reino. Quem antes havia ficado ao lado das noivas, ao perceber que forapassado para trás, em sua maioria voltou correndo para os braços do sultão. Já outra parte está indo para o lado sifão de extrema direita, mas isso é outro assunto.

Mas o sultão está voltando as graças do povo e com isso, numa manobra esperta, o TSE de última hora resolveu julgar se o sultão poderia ou não ser candidato, como solicitou o CDH – ONU.Com apenas um voto a favor da homologação da candidatura, o voto do Fachin, que até agora não entendi se o Fachin estava sendo honesto em seu voto ou apenas fazendo marketing pessoal.O restante dos votos, foram pela impugnação da candidatura Lula, dando o prazo ao PT para substituir o candidato em até cinco dias.

Que obviamente será Fernando Haddad, ou Andrade como o povo simples do sertão o chama.

Bem….mal foi dada a sentença do divórcio definitivo, as ex esposas Ciro e Marina, já estão se engalfinhando pelo espolio eleitoral do Lula, como todo divorcio de meu bem, passou agora a ser de meus bens. Afinal esse espólio é bem lucrativo tanto para um como para outro.

Sem Lula, a mulher bissexto, ops, Marina Silva sobe para 2° lugar na intenção de votos e Ciro Gomes vem logo em seguida, quase num empate técnico.

Haddad, se mostra ainda tímido, sem Lula nas pesquisas, antes da impugnação da candidatura dele.

Até Meirelles está tentando tirar casquinha desse espolio, em sua propaganda quando diz que Lula e Dilma o chamaram para resolver problemas econômicos do país, com direito a foto de quem??? Quem???

Sim!!!! Ele…Lula.

Resta saber quem irá ficar com os votos do espólio. Na minha experiência nos bastidores políticos, essa briga deve ficar entre Haddad e Ciro mesmo, Marina não tem carisma suficiente para conquistar os órfãos de Lula, até porque em 2014 ela apoiou o abominável Aécio das Neves. E isso, querida, petista não perdoa!

Ciro está começando a ganhar musculatura consistente, só espero que não desidrate com sua verborragia até outubro.

Já Haddad….ele está usando Lula como garoto propaganda nessa guerra de cachorro grande, mesmo que seja uma máscara de papel. E pelos acordos que estão sendo costurados fora das cúpulas partidárias, a aposta será mesmo Haddad, pois se até raposa velha está grudando nele e usando a foto do Lula em seu material, e não do candidato do seu partido.Né Eunício?

Isso é um indicativo de que as fichas estão sendo colocadas no vermelho 13, mesmo que com a famosa campanha branca.

De tudo isso, só concluo uma coisa: Lula não serve para disputar eleição….mas ainda é o melhor cabo eleitoral que existe.

Até semana que vem

Twitter: @ricazinha

 

- Anúncio -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here