Bancada feminina da Câmara Municipal de Goiânia, vota unida em favor dos servidores

379
Foto: Alberto Cesar Maia
- Anúncio -

Na última quinta-feira dia (06), o plenário da Câmara Municipal de Goiânia, se transformou em uma grande arena, estava em pauta o projeto de autoria do executivo da reforma da Previdência que aumenta a alíquota de contribuição dos funcionários públicos de 11% para 14%.

A vitória do executivo para que o projeto não fosse arquivado era quase certa, era… pois alguns vereadores tidos como base, resolveram apoiar os servidores municipais, ao invés de baixarem a cabeça e falarem benção ao prefeito, com isso o clima ficou tenso, antes do inicio da votação já no momento destinado a discussão do projeto vários vereadores dos 35, começaram a fazer sua declaração de voto, e na matemática do Paço Municipal, a derrota seria evidente.

O executivo não poupou esforços e enviou seu batalhão de choque para o plenário, secretários de primeiro escalão que tentavam a todo momento assediar os vereadores ditos como base, para que votassem com o executivo.

Não adiantou, a não ser por uma GRANDE SURPRESA! O vereador GCM Romário Policarpo (PTC), presidente licenciado do Sindicato dos Servidores Municipais de Goiânia, que já havia se comprometido com a classe que votaria com eles e não com o Paço, desfez o combinado, e sabe se lá porque, votou com o prefeito dando a vitória ao executivo por 1 voto apenas de diferença 18 x 17.

Mas o grande destaque dá se a bancada feminina da Câmara Municipal de Goiânia, as cinco vereadoras Tatiana Lemos (PC do B), Priscilla Tejota (PSD), Dra. Cristina (PSDB), Sabrina Garcêz (PTB) e Leia Klebia (PSC), num ato corajoso e de dignidade e apoio aos servidores públicos municipais, votaram contra a aprovação do projeto e a favor do arquivamento.

Vereadora Tatiana Lemos
Vereadora Dra. Cristina
Vereadora Sabrina Garcêz
Vereadora Priscilla Tejota
Vereadora Léia Klebia

Vale ressaltar que esta foi a primeira votação do projeto em plenário, muita água ainda vai correr ladeira abaixo.

Veja como cada vereador votou:

CONTRA A APROVAÇÃO DO PROJETO:

  1. Alysson Lima (PRB)
  2. Anderson Sales (DC)
  3. Cairo Salim (Pros)
  4. Delegado Eduardo Prado (PV)
  5. Dra. Cristina (PSDB)
  6. Emilson Pereira (Podemos)
  7. Jair Diamantino (DC)
  8. Jorge Kajuru (PRP)
  9. Leia Klebia (PSC)
  10. Lucas Kitão (PSL)
  11. Milton Mercêz (PRP)
  12. Paulinho Graus (PDT)
  13. Paulo Magalhães (PSD)
  14. Priscilla Tejota (PSD)
  15. Sabrina Garcêz (PTB)
  16. Sargento Novandir (Podemos)
  17. Tatiana Lemos (PcdoB)

A FAVOR DA APROVAÇÃO DO PROJETO:

  1. Alfredo Bambú (PRP)
  2. Andrey Arezedo (MDB)
  3. Anselmo Pereira (PSDB)
  4. Carlin Café (PPS)
  5. Paulo Daher (DEM)
  6. Edson Automóveis (PMN)
  7. Romário Policarpo (PTC)
  8. Gustavo Cruvinel (PV)
  9. Izídio Alves (PR)
  10. Kleybe Morais (DC)
  11. Markim Goyá (MDB)
  12. Omar Conselheiro (MDB)
  13. Oséias Varão (PSB)
  14. Paulo da Farmácia (Pros)
  15. Rogério Cruz (PRB)
  16. Tiãozinho Porto (Pros)
  17. Welington Peixoto (MDB)
  18. Zander (Patriota)
- Anúncio -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here