Dudu lançará o projeto instrumental que mistura chorinho com música eletrônica nos clássicos “Brasileirinho”, “Aquarela do Brasil” e “Cidade Maravilhosa

Foto:Christian Gaul
- Anúncio -

Aos 5 anos, Dudu Nobre ganhou o instrumento que o tornaria um ídolo: o cavaquinho. Em 2019, o sambista completa 20 anos de uma consolidada carreira. O músico e compositor faz sua turnê pelo Brasil, tocando sucessos como “A Grande Família”, “No mexe mexe, no bole bole”, “Posso até me apaixonar”, “Goiabada Cascão”, “Tempo de Don Don”, “Chegue Mais”, “Estava Perdido num mar”, entre outros clássicos do samba.

Brasil – Além de intérprete, Dudu Nobre é também um consagrado compositor. Músicas como “Água da minha sede”, “Vou botar teu nome na macumba”, “Quem é ela” e “Pro Amor Render” são de sua autoria.

Tendo como grandes referências os músicos Almir Guineto e Martinho da Vila, seu CD, intitulado “Ainda é Cedo”, foi lançado em 2013. O álbum possui 12 faixas, das quais nove são de autoria do Dudu com parceiros. Entre eles, Nei Lopes, Claudemir, Moises Santiago, Fernando Magarça, Roque Ferreira e Chiquinho dos Santos. O disco possui também versões de músicas como: “Centelha” (Nelson Rufino e Ivan Sólon), “Vôo de Paz” (Jorge Aragão e Zeca Pagodinho) e “As 40 DPs” (Gil de Carvalho).

Em 2017 foi o grande destaque do carnaval de Cabo Verde. Esse convite rendeu um projeto intitulado “Carnaval de Verão”, que já está indo para sua terceira edição em 2019. “O convite veio do governo de Cabo Verde. Fiz um show na segunda feira de carnaval e foi um sucesso, e quis muito voltar”, conta o músico.

Ainda em 2017, Dudu Nobre, considerado o mestre do cavaquinho, reuniu os maiores sucessos da época Natalina em um disco instrumental inédito, intitulado “Meu Cavaco de Natal”. Clássicos da data comemorativa estão presentes, dentre eles: “Jingle Bells”, ”Noite Feliz”, “Para não ser triste”, ”Boas Festas”, “O Velhinho”, “A Paz” e “Ave Maria”. Todos esses sucessos fazem parte do repertório e, nas palavras do artista, transmitem paz, esperança e harmonia – características peculiares ao Natal.

Pai de três meninas (Olívia, Thalita e Alícia) e de um menino (João Eduardo), Dudu Nobre é um dos artistas mais respeitados do gênero. Autor de sambas enredo vitoriosos em todo o Brasil: Rio de Janeiro, São Paulo, Espírito Santo e Belém do Pará.

Consagrado como um dos maiores nomes do samba brasileiro, Dudu Nobre deu um frescor na carreira com o lançamento da música “Na Fé de Jorge”, em parceria com o rapper Rappin Hood. O single, lançado no dia de São Jorge, 23 de abril de 2018, foi uma homenagem ao santo guerreiro. “Sou devoto de São Jorge desde muito novo. Aqui no subúrbio do Rio de Janeiro é muito forte essa ligação com São Jorge. Sempre que posso, vou à igreja no dia 23 de abril para agradecer e pedir forças pra continuar na luta”, afirma Dudu Nobre.

Com uma agenda sempre muito movimentada, o sambista ainda tem grandes projetos a serem lançados e em 2019 promete grandes novidades para seu público.

Dudu lançará o projeto instrumental que mistura chorinho com música eletrônica nos clássicos “Brasileirinho”, “Aquarela do Brasil” e “Cidade Maravilhosa”. Nesse trabalho, Dudu contou com a parceria dos DJs: Marlboro, Negralha e Henrique Camacho. O projeto surgiu do próprio Dudu: “Muita gente me pedia para gravar um instrumental de chorinho, então resolvi fazer esse projeto”, conta ele.

Produtora: Si Maior Produções

Contatos: +55 11 2936-9476 / +55 11 96071-7126

Email: simaiorproducoes@gmail.com

- Anúncio -