Sorria ‘Coxinha’, você foi usado de novo (ou como sempre)

- Anúncio -
Reinaldo Cruz
Reinaldo Da Silva Cruz é jornalista, Bacharel em Administração e colaboradora do site Na Pauta Online – GO

Involuntariamente você, que esteve vestido com a camisa da CBF nas manifestações de apoio a Sérgio Moro e a Lava Jato, certamente foi usado como massa de manobra por seu herói!

Quem condenou Lula sem provas e deu o Golpe em Dilma foi o povo brasileiro. O então juiz Moro pautava a imprensa contra o ex-presidente e agia de acordo com a reação da opinião pública, que foi induzida pela mídia a acreditar nas “verdades da República de Curitiba’’ para desconstruir o legado de Lula, criminalizar sua família e condená-lo sem nenhuma chance de defesa.

Dilma Rousseff foi retirada do poder sem cometer nenhum crime, mas para o golpe que estava sendo arquitetado em Curitiba fazer algum sentido, Dilma e o PT precisavam entrar no pacote vendido como crimes contra a humanidade. O PT é povo. Lula é povo. Isso incomodada os barões deste país que induziram os brasileiros a se indignar até com as próprias conquistas sociais obtidas na última década. Igualdade de raça, gênero e a diminuição do abismo entre classes sociais recebeu um rótulo de ideologia de esquerda e passou a ser tratada como algo ruim, como se o respeito ao outro fosse algo criminoso.

Sim a corrupção existiu, existe e talvez não seja debelada por completo tão cedo; mas não dá para esconder isso atrás das injustiças cometidas contra Lula, Dilma e o povo brasileiro, pois muitos políticos do PT e fora dele confundiram o público com o privado, não tiveram espírito publico, muito menos atitudes republicanas, deixaram que o apego ao poder subisse lhes a cabeça. Contudo, nada justifica condenar o maior líder popular da história do Brasil sem uma única prova que possa ser considerada irrefutável aos olhos da justiça que justifique a sentença proferida pelo juízo da 13ª Vara Federal. Essa mesma corrupção, tão combatida, parece ter sido extinta no dia 07 de Abril de 2018, data da prisão de Luiz Inácio Lula da Silva. Só isso justifica por exemplo Aécio Neves nunca ter sido encarcerado nem por algumas horas para prestar esclarecimentos.

A consequência disso ou de tudo isso que fizeram contra Lula é a perda de direitos pelos brasileiros, retrocessos nos benefícios e políticas sociais; perda de cidadania, sucateamento das Universidades e órgãos ligados ao Meio Ambiente; e muito provavelmente a nossa sagrada aposentadoria também vai se esvair entre os dedos para agradar aos mercados e satisfazer o ego do ministro da (in) justiça e simpatizantes da extrema-direita.

- Anúncio -