Shrek, O Musical

Divulgação
Katia Saules
Katia Saules – Atriz, formada em Artes Cênicas, escritora, critica de artes e colaboradora do site Na Pauta Online – RJ, Esta coluna vai ao ar todas as quartas-feiras.

Um grande espetáculo com músicas de Jeanine Tesori, texto e letras de David Lindsay-Abaire, é baseado no filme Shrek, produzido pela Dreamworks em 2001 e entregue com qualidade, graça e muito talento.

A história, todos já conhecem, então o que vale é a forma como é contada pelo inteligente André Gress.  Quatro excelentes atores encabeçam o elenco, composto por quarenta crianças e adolescentes. Leonardo Iglesias vive Shhrek, com uma belíssima voz  e ‘ogrice’ na medida certa. Yasmin Lima vive Fiona de forma bem convincente, com bom trabalho corporal, onde vimos nitidamente a princesa e a ogra que nela habitam. Alex Junior encara o desafio de viver Lord Farquaad, que pela baixa estatura, requer um maior domínio do ator, para sua locomoção (feita de joelhos em toda o espetáculo) e Rômulo Bellotti é o divertido Burro, tão aclamado em todas as cenas, pela irreverência, perspicácia e enorme carisma do ator.

A famosa saga do simpático Ogro que mora num pântano e causa medo nas pessoas, mostra um Shrek engraçado e até sensível, embora sozinho e mal humorado.

Vários personagens de outros Contos infantis se reúnem e discutem a diferença. Tema muito propício para os dias atuais, mas que pode ser considerado atemporal.

O príncipe, Lord Farquaad precisa de uma princesa para se casar e se tornar rei. Sua escolhida é Fiona, que vive aprisionada numa torre e guarda consigo um segredo.

Os grandes e mais divertidos momentos acontecem com o atrapalhado burro, vivido pelo sagaz Rômulo, que se apresenta com a melhor companhia para o solitário Ogro. No caminho eles constroem uma verdadeira amizade, o que ajuda a despertar certa sensibilidade em Shrek, que se apaixona pela princesa ao resgatá-la.

O projeto é 100% brasileiro e os criadores tiveram liberdade para inovarem na elaboração dos cenários, figurinos e luz.  A opção em trazer a atmosfera da floresta desde a entrada do público contribui significativamente para a ambientação da plateia na história.

Com preciosa direção musical de Marcelo Castro, bonito trabalho de direção de movimento de Alan Rezende e cuidadosa produção executiva de Giselle Abreu, em parceria com a Maktub Escola de Atores, ‘Shrek, O Musical’ desperta o melhor que há em todos nós.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here