Como seremos capazes de querer, de entender, de participar, de lutar por nossos direitos se nossa autoestima estiver baixa?

Ana Paula Rodrigues
Ana Paula Rodrigues, é Coach Eleitoral de mulheres, especialista em Direito Eleitoral, especialista em Direito do Trabalho, Palestrante em inclusão feminina na política e colaboradora do site Na Pauta Online – DF

Depois de trabalhar com alguns conceitos fundamentais para a compreensão de temas sempre mencionados em debates, palestras, reuniões, seminários, dentre outros que envolvem boa parte da esfera feminina, vou fazer algo diferente. Quero tentar de uma forma bem sutil, falar sobre a autoestima.

Hã?! Porque falar sobre isso Ana?! O que isso tem a ver com todo esse processo de empoderamento da mulher? De politização, de formação política? Tudo. Como seremos capazes de querer, de entender, de participar, de lutar por nossos direitos se nossa autoestima estiver baixa? Se não estivermos nos sentindo bem com nós mesmas? A definição de autoestima na psicologia, significa a avaliação subjetiva que uma pessoa faz de si mesma como sendo intrinsecamente positiva ou negativa em algum grau. Por isso na coluna de hoje, quero junto com você, percorrer um caminho interior, aquele que só você e somente você, pode percorrer e encontrar as respostas. Então vamos lá, Pergunte para si:

Eu me considero importante? Não para outros, APENAS para mim mesma?

Eu acredito em mim?

Que pessoa eu vejo no espelho todas as manhãs? A que eu quero ser ou a que eu me contento em ver?

Quais são as minhas prioridades? Eu estou lutando por elas?

Eu me conheço? Sei de tudo que eu verdadeiramente gosto ou me adapto a vontade de outros?

O que eu estou fazendo para mudar a minha história?

Eu quero fazer o diferencial dentro da minha casa, no meu estado, no meu país ou até mesmo no mundo?

Eu estou em constante busca pelo conhecimento? Corro atrás ou tenho outras prioridades?

Certamente minha intenção com estas perguntas é a auto reflexão, é ajudar você a conhecer um pouco melhor a pessoa mais importante da sua vida: VOCÊ MESMA. Se ao menos por alguns minutos você fizer esta reflexão, se depois dela você sentir que algo mudou, já será um avanço. Lembre-se sempre, a maior mudança é aquela que fazemos dentro de nós mesmas! Os melhores e maiores sonhos são conquistados quando acreditamos neles e pra acreditar é fundamental que haja uma única vontade: A sua. É necessário somente uma inciativa e ás vezes estamos nos sentindo tão mal, tão incapazes, que nos sentimos impedidos de enxergar que a mudança, está bem perto, na realidade encontra-se em uma extensão tênue que vai do cérebro ao coração, da realidade ao que verdadeiramente queremos. Por isso, liberte-se! Olhe no espelho e dê a atenção merecida a pessoa que vê! Ela é única, importante, veio pra fazer a diferença e tem como prioridade ser feliz e não aceitará o contrário disso. O Na Pauta on line acredita em você, todos que lhe amam acreditam em você, o mundo precisa de você.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here