Um roteiro na Barra Funda traz cafés, boa comida e drinks para um carnaval mais relax

O carnaval de rua em São Paulo cresce a cada ano, a Prefeitura da cidade prevê número recorde de blocos de rua e também de público no carnaval 2020.

Segundo a Secretaria Municipal de Cultura, o evento deve atrair 15 milhões de pessoas e movimentar R$ 2,6 bilhões na cidade a partir do dia 15 de fevereiro.

A Secretaria Municipal de Cultura confirmou que serão 796 blocos em 861 desfiles neste carnaval.  capital paulista ganha neste ano 332 novos blocos de rua autorizados pela administração municipal, alta de 71,5% em relação ao ano passado, que teve 464 blocos em 490 desfiles.

Agenda completa dos blocos e toda programação você pode conferir neste link Blocos de Rua SP O bairro Barra Funda na Zona Oeste de São Paulo, tem muitas peculiaridades, e podemos citar algumas.

Nasceu como uma chácara de criação de cavalos e vacas, com a industrialização cedeu espaço para grandes galpões, também foi lar de Mario de Andrade, reduto do samba por muitos anos e agora, o bairro também faz jus a gastronomia traz muita comida boa.

E como o tempo é de Carnaval e o bairro estará na rota dos bloquinhos, listamos um tour para você comer muito bem e aproveitar a folia de um modo mais relax.
Laskarina Bouboulina
“O convite aqui envolve comida para compartilhar, drinks refrescantes para experimentar e cerveja gelada. Mesa na calçada, um ipê florido e uma cozinha aberta para aproximar você e nossa equipe mão na massa.” Vivi Gelpi

O bar taberna, se instalou em uma rua bem tranquila da Barra Funda, próximo ao metrô Marechal Deodoro. E o nome faz referência a uma personagem do processo de independência da Grécia.

O espaço fica em um imóvel onde era a Casa Belfiore, salão com luz intimista e mesas na calçada, o cardápio oferece uma culinária bem original, fazem comida de pirata para compartilhar.
E com receitas brasileiras e mediterrâneas, as sócias Viviane Gelpi e Camila Moura, trazem: “Pratos afetivos, feitos para compartilhar.”
Aos finais de semana, o Laskarina tem um prato, feito em uma panela única,  tudo misturado e muito bom. Lá você pode começar com o delicioso Croquete de carne de panela da Vó Laís, depois o Bolinhos de Macaxeira com Queijo de Mantiqueira e a deliciosa Moelada(da Korin) servida com pão para chuchar.
Tem também outras receitas, como Abóbora com pernil e coalhada, Escabeche de Carapau e muitas outras delícias.

Ah! E para o menu de sábado de carnaval servirão Arroz de Nata com Carne de Sol e Arroz de Nata com Queijo Coalho Grelhado, Abóbora Tostada e Chips de Jiló.

 Créditos Marcelo Carbonmade
 Créditos Marcelo Carbonmade
 Créditos Marcelo Carbonmade
 Créditos Marcelo Carbonmade
Bolinho de Macaxeira com Queijo da Mantiqueira
Créditos Marcelo Carbonmade
Croquete de Carne de Panela da Vó Laís
Créditos Marcelo Carbonmade
Drink Paloma (Drink da Casa)
Tequila,Grapefruit, Mix Cítrico, Xarope de Ágave, Flor de Sal e Pimenta Rosa
Créditos Marcelo Carbonmade

Bloody Mary
Créditos Marcelo Carbonmade

Laskarina Bouboulina
Rua Souza e Lima, 67 Barra Funda, SP
Horário de Funcionamento
Quarta a Sexta das 18h às 23h
Domingo das 13h às 17h
E durante o Carnaval abrirá somente sábado dia 22 das 13h às 23h
A Dama e os Vagabundos
Para quem curte um rock na veia, A Dama e os Vagabundos é o local ideal para quem quer fugir da playlist de carnaval.

Eleito o melhor boteco de SP com clima kitsch bem descolado, balcão de fórmica alaranjada, paredes de azulejos brancos, quadro de letrinhas de plástico que já pode ser considerado o cardápio.

E o atendimento é absurdamente bom e são super simpáticos, e a gerente Babi é uma fofa, adorei.

Servem uma variedade de porções e petiscos, com grande destaque para os hambúrgueres. Drinks autorais, cervejas especiais para acompanhar essas delícias, sem dúvida, mais uma ótima pedida para o carnaval outsider.

A Dama e os Vagabundos
Rua Souza Lima, 43 – Barra Funda, São Paulo
Horário de Funcionamento no Carnaval
Sexta, Sábado, Domingo, Segunda e Terça das 15h às 22h30 Cozinha Fecha às 22h
Mescla 

O chef Checho Gonzales, precursor das feiras gastronômicas de rua em SP, abriu o Comedoria Gonzales em 2014 no Mercado de Pinheiros e sempre com casa cheia, nos recebe com suas delícias de inspiração na culinária latina.

E agora, temos mais um local para aproveitar suas criações, o Mescla. O espaço é um galpão com mesas para compartilhar, para se sentar junto mesmo, tem também um balcão, onde você pode acompanhar de perto o preparo dos pratos.
Checho diz: ” Quero cozinhar o que tenho vontade comer”.

O menu é enxuto e rico em sabores,  tem o Mesclinha que são os pratos que mudam a cada semana. E os pratos principais são  muito bem servidos e nada é empratado, somente em baixelas ou panelas e servem mais de uma pessoa tranquilamente.

Para entrada, o delicioso espetinho de lula com coração de galinha no creme de amendoim. Depois, pedimos para pratos principais, costela de porco, salsa de feijão com temperos e segredos, banana da terra assadas, tomatinhos e batatas. Tudo feito ali na hora, na boca do fogão e muito bem temperado. O outro prato escolhido foi, bochechas de peixe empanadas servidas com salsa picante de ovos e paçoca.
Depois uma criação surpresa do chef, um peixe muito saboroso. E  para a sobremesa, o creme queimado de milho, claro.

Costela de porco, salsa de feijão com temperos e segredos, banana da terra assadas, tomatinhos e batatas.
Bochechas de peixe empanadas servidas com salsa picante de ovos e paçoca.  Espetinho de lula e coração de galinha no molho de amendoim
O chef boliviano Checho Gonzales teve inspiração para suas receitas surreais e deliciosas, nas refeições criadas pela própria mãe, que adaptava os pratos típicos bolivianos aos ingredientes que conseguia encontrar no Brasil, onde veio morar com 7 anos. Essa raiz boliviana somada a diversas influências gastronômicas de outros países latino-americanos, como  Peru, Argentina e México é o que vemos em seus pratos.
Mescla
Rua Souza Lima, 305 – Barra Funda, SP
Horário de Funcionamento no Carnaval
Sábado, domingo e Quarta das 12h às 17h e abrem com menu normal, o Mesclinha acontece na quarta e o Chef Checho só define esse cardápio na terça
Yerba (Por um Punhado de Dólares)
O café Por Um Punhado De Dólares ganhou em julho de 2018 a Yerba, uma marca que traz do Rio Grande do Sul diversos blends de erva-mate, o lugar com decoração simples, moderna e despojada é  especializada em chá mate, oferecem também salgados, cafés, chopp e drinques.
Os cafés saem com espuma bem cremosa, como o cappuccino,  um dos mais pedidos, também tem o tereré, versão gelada do chimarrão, muitas bebidas sem álcool e drinks variados também.

Pedimos um café gelado com laranja e claro, um mate com canela bem refrescante. Para comer tem sanduíches feitos na hora, empanadas da bread flag, pão de queijo, o clássico e saboroso bolo de cenoura com chocolate.

E estarão participando do Ocupa Centro, um projeto dos Chefs Victor Dimitrow e Fred Caffarena, com objetivo de dar mais visibilidade aos grandes e novos nomes da gastronomia paulistana.

Bolo de cenoura com chocolate
Leite com mate, canela e mel
Café gelado com laranja e limão
Yerba
Rua dos Pirineus, 86, Santa Cecília, SP
Horário de Funcionamento no Carnaval
Sexta, Sábado, Domingo, Segunda e Terça  das 10h às 22h

Mobilidade descer na Estação Marechal Deodoro, uma boa caminhada, bike, uber ou táxi.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here